18:52 15 Fevereiro 2019
Ouvir Rádio
    Secretário do Estado dos EUA, John Kerry

    Explosão mata funcionários de consulado dos EUA no Paquistão

    © AFP 2018 / SAUL LOEB
    Mundo
    URL curta
    0 04

    Pelo menos dois funcionários do consulado dos Estados Unidos na cidade paquistanesa de Peshawar foram mortos em uma explosão durante uma operação antinarcóticos na região, conforme anunciou o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, nesta terça-feira. Segundo ele, alguns soldados das Forças Armadas do Paquistão também morreram na ação.

    "Nesta manhã, eu acordei com a notícia de que nós perdemos dois empregados locais em Peshawar, que trabalhavam com o nosso consulado lá e estavam em um esforço para erradicar campos de narcóticos", disse Kerry em um evento para discutir o extremismo em Washington. 

    "Um IED (artefato explosivo improvisado) explodiu e muitos foram mortos. Alguns dos soldados que estavam lá para protegê-los também", completou, sem entrar em detalhes.

    De acordo com o Departamento de Estado, os dois paquistaneses a serviço dos EUA em Peshawar foram algumas das vítimas de um ataque contra um comboio das forças antidrogas do governo em uma zona tribal perto da fronteira com o Afeganistão. 

    "O governo dos EUA condena duramente esse ataque", afirmou o porta-voz do departamento, John Kirby. "O Paquistão sofreu muito nas mãos de terroristas e extremistas violentos. Os Estados Unidos são solidários ao povo paquistanês e a todos aqueles que lutam contra a praga do terrorismo".

    Mais:

    Ataque a universidade no Paquistão deixa 21 mortos e 50 feridos
    Paquistão executa autores de atentado que matou 150 pessoas em escola
    Paquistão testa com sucesso míssil balístico Shaheen-III
    Tags:
    explosão, terrorismo, John Kirby, John Kerry, Peshawar, Washington, Afeganistão, Paquistão, EUA