08:07 20 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    2291
    Nos siga no

    As autoridades americanas entregarão à Rússia 28 documentos históricos de alto valor que tinham roubados de arquivos russos, informou o jornal russo Kommersant nesta sexta-feira (26).

    Segundo escreve Kommersant, são documentos do Arquivo Histórico Estatal Russo, Arquivo Estatal Russo de Literatura e Arte e Arquivo Militar Estatal Russo.

    Entre os artefatos datados entre séculos XVIII-XX – “dez autênticos decretos reais sobre o departamento cortesão para os anos 1703-1894, inclusive decretos do imperador Pedro I da Rússia, imperatriz Ana, Isabel, e imperador Paulo I”. Além disso, será devolvido o decreto autêntico do comissário popular da Defesa da União das Repúblicas Socialistas Soviéticas “Sobre a transformação do 1º regimento especial de aviação da Frota Aérea Civil em 120º regimento de aviação da Guarda da Frota Aérea Civil” com assinatura de Josef Stalin, sublinha a edição.

    Os documentos roubados no início dos anos 90 do século XX e encontrados mais tarde pelos funcionários do serviço de inquérito do Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos, serão entregues na cerimonia solene na residência do embaixador americano em Moscou em 3 de março. A cerimônia será realizada pelo embaixador John Tefft. Do procedimento irão participar representantes do Departamento de Segurança Interna dos EUA, Ministério da Cultura da Rússia, personalidades de cultura e arte e especialistas na área de história e arquivos.

    Segundo a opinião do porta-voz da embaixada dos EUA na Rússia Will Stevens, que ele divulgou no seu Twitter, tais acontecimentos testemunham que a cooperação entre os dois países continua (apesar da tensão política entre a Rússia e os EUA).

    Tags:
    Rússia, EUA, Josef Stalin, John F. Tefft, Kommersant, documentos, arquivos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar