21:19 28 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    201
    Nos siga no

    A administração dos EUA pretende intensificar suas ações na luta contra o grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico) na internet, solicitando para tanto a cooperação das maiores empresas do setor para combater os extremistas nas redes sociais, informou o canal CNN.

    Segundo a emissora, o ministério da Justiça dos EUA organizou na quarta-feira (24) um encontro com altos representantes das empresas Apple, Twitter, Snapchat, Facebook, MTV e Buzzfeed. Na ocasião, o diretor do Centro Nacional de Contraterrorismo Nicholas Rasmussen teria apresentado a eles os atuais esforços da Casa Branca para combater a expansão e o recrutamento do Daesh nas redes sociais.

    De acordo com a CNN, o encontro contou com a participação de representantes de cerca de 50 empresas do setor da internet, bem como de uma série de órgãos governamentais, incluindo ministério da Justiça, Departamento de Estado, Conselho de Segurança Nacional na Casa Branca e até mesmo a embaixada britânica nos Estados Unidos.

    Durante a reunião, os representantes das empresas teriam sido “informados sobre a tecnologia usada pelo Daesh para divulgação de mensagens, bem como sobre o desenvolvimento de planos para combater a propaganda terrorista por meio da difusão de “mensagens otimistas””.

    Junto a isso, a CNN destacou que a administração dos EUA já realizou seus primeiros passos nessa direção. Em particular, na semana passada o secretário de Estado dos EUA John Kerry teria visitado Los Angeles para discutir questões relativas ao combate da ideologia Daesh com representantes de diversas agências de publicidade. E, em janeiro, “membros da administração visitaram o Vale do Silício para melhorar o combate ao recrutamento de terroristas nas grandes redes sociais”.

    Tags:
    Internet, Daesh, CNN, Casa Branca, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar