06:16 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Soldado de forças pro-governamentais sírias fica perto de entrada para a cidade de Aleppo, Síria, 14 de janeiro de 2016

    Síria: Ataque do Daesh corta a única via de abastecimento de Aleppo

    © AFP 2017/ LOUAI BESHARA
    Mundo
    URL curta
    Campanha militar antiterrorista na Síria (132)
    153336226

    Os terroristas do Daesh, autointitulado “Estado Islâmico”, cortaram a única via de abastecimento da cidade síria de Aleppo, no trecho Asriyan-Hanaser, segundo informou uma fonte militar à Sputnik.

    "À noite, os militantes atacaram os postos de controle do exército sírio no distrito da cidade de Hanaser. Intensos combates com os terroristas continuam. Sob fogo estão 10 quilômetros de estrada para Aleppo. O trânsito está bloqueado", disse o oficial.

    ​De acordo com o informante, o ataque foi realizado de vários lados ao mesmo tempo. A principal força dos terroristas atacou pelo lado norte da cidade de Hanaser. A rota é a única via de abastecimento das tropas sírias em Aleppo, bem como para o fornecimento de alimentos, combustível e outras necessidades básicas da população.

    ​Cortando a rota de abastecimento para Aleppo, os jihadistas esperam diminuir o ritmo da ofensiva em larga escala do exército sírio no norte da província de Aleppo e no oeste de Raqqa.

    A situação humanitária na cidade é muito difícil. Desde 2013, a eletricidade se restringe a algumas poucas áreas de Aleppo, e com restrições de horário. O fornecimento de água é um luxo ainda maior do que a energia elétrica, e o sistema de saneamento passa por uma situação ainda mais precária.

    Aleppo, cidade estratégica

    As batalhas pelo controle de Aleppo se intensificaram este mês na Síria. Trata-se de uma cidade de grande importância estratégica, cuja captura pelas forças leais ao governo poderia representar um ponto de virada na guerra síria.

    As forças governamentais do país, com o apoio da aviação russa e de combatentes curdos, lutam há várias semanas contra o Daesh e outros grupos terroristas na província. O exército sírio está avançando e já liberou várias cidades em Aleppo. Em 20 de fevereiro, as tropas sírias recuperaram o controle da usina termoelétrica que se situa no leste da província.

    O exército se entrincheirou na parte ocidental da cidade, que inclui a antiga fortaleza de Aleppo, bem como ao redor de metade dos subúrbios. Os terroristas, por sua vez, ocuparam os distritos do leste de Aleppo, recebendo suprimentos vindos da Turquia (a cidade fica a apenas 45 quilômetros da fronteira).

    Aleppo é a maior cidade da Síria e foi um importante centro comercial, industrial e turístico antes da guerra que assola o país desde 2011. Localizada no centro da província homônima, a chamada “capital do norte” da Síria tem uma história milenária de guerras e conquistas, por estar estrategicamente situada no cruzamento de rotas comerciais.

    Tema:
    Campanha militar antiterrorista na Síria (132)

    Mais:

    Sírios destroem fortificações do Daesh em Aleppo
    Forças sírias retomam mais vilas na província de Aleppo
    A libertação de Aleppo: o que a mídia ocidental não quer mostrar
    Comandantes: Forças curdas avançam no norte de Aleppo
    Tags:
    rota, abastecimento, estrada, exército, Estado Islâmico, Daesh, Hanaser, Aleppo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik