05:51 26 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Bandeira Federal da Alemanha em Berlim

    Berlim investiga novos 'métodos da KGB' para desestabilizar a Alemanha

    © AFP 2018 / TOBIAS SCHWARZ
    Mundo
    URL curta
    14334

    O governo alemão pediu ao Serviço Federal de Inteligência (FND) e ao escritório de proteção da Constituição para investigar as suspeitas de que a Rússia poderia estar reativando "métodos de propaganda utilizados pela KGB durante a Guerra Fria" para desestabilizar a Alemanha e "dividir a Europa".

    Nos últimos dias, as autoridades alemãs demonstraram grande preocupação com a cobertura "exagerada", pela mídia russa, dos eventos recentes no país. Como no caso dos ataques em Colônia, no réveillon, e do suposto sequestro e estupro de uma adolescente russo-alemã, de apenas 13 anos. Para Berlim, o foco russo nesses episódios pode sugerir que o Kremlin esteja empenhado em uma guerra de propaganda contra a Alemanha. 

    De acordo com o Sueddeutsche Zeitung, o objetivo da investigação, que está sendo monitorada de perto pela chancelaria, será determinar se Moscou realmente ressuscitou as velhas táticas de propaganda da Guerra Fria, as quais a KGB "aplicava habilmente nos tempos da União Soviética", para promover uma campanha de desinformação na Alemanha, ou se tudo não passa de "boatos descontrolados na internet". 

    Mais:

    Alemanha não vê alternativa ao diálogo com a Rússia
    Alemanha espera que Rússia retorne para o G8
    Alemanha confisca dinheiro de refugiados para cobrir despesas
    Alemanha: polícia faz primeira prisão relacionada às agressões sexuais em Colônia
    Tags:
    KGB, Sueddeutsche Zeitung, Kremlin, Colônia, União Soviética, Moscou, Berlim, Rússia, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik