06:13 26 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Soldados do exército sírio no sudeste de Damasco

    Assad anuncia anistia para desertores do exército sírio

    © Sputnik/ Valery Melnikov
    Mundo
    URL curta
    243242321

    O presidente da Síria, Bashar Assad, assinou hoje um decreto que prevê anistia geral para todos os militares que abandonaram as Forças Armadas da Síria até o dia 17 de fevereiro de 2016, informou a agência SANA.

    Segundo a imprensa local, a medida tem validade tanto para aqueles que desertaram dentro do país como no exterior.

    Desde o início de 2011, a Síria vive um conflito armado que já deixou mais de 250 mil mortos, de acordo com estimativas das Nações Unidas. Apoiadas pela aviação russa, tropas curdas e outros aliados, as forças governamentais lutam ao mesmo tempo contra diversas facções e grupos terroristas, como os famosos Daesh e Frente al-Nusra. 

    Na última sexta-feira, representantes das principais potências envolvidas na guerra síria, incluindo Rússia e Estados Unidos, chegaram a um acordo para cessar as hostilidades no país dentro de uma semana e facilitar o acesso da população a ajuda humanitária. 

    Mais:

    Lavrov: Sucesso do acordo de Munique sobre a Síria 'depende dos americanos'
    Curdos continuam ofensiva contra Daesh na Síria apesar das ameaças turcas
    Oposição síria: operação russa ajuda-nos a lutar contra Daesh
    Aviões russos decolam para atacar posições terroristas na Síria
    Tags:
    SANA, Daesh, Frente al-Nusra, ONU, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik