11:41 26 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Mãos de crianças curdas sírias em campo de refugiados

    Europa ameaçada pelo "efeito dominó" com o fechamento das fronteiras internas

    © AFP 2017/ BULENT KILIC
    Mundo
    URL curta
    7764121

    A União Europeia está ameaçada por um "efeito dominó", caso os Estados-membros comecem o fechamento, um após o outro, suas fronteiras por não conseguirem conter o fluxo de imigrantes, afirmou segunda feira (15) o secretário de Estado de Assuntos Europeus da República Tcheca, Tomas Prouza.

    "Se o fluxo continuar na primavera (…) alguns países como a Alemanha e Áustria poderiam fechar suas fronteiras, causando um efeito dominó e o fechamento das fronteiras na Eslovênia, Croácia e Macedônia", disse Prouza em coletiva a repórteres.

    O secretário afirmou ainda que tudo acontecerá de forma desordenada, haverá muita confusão e dezenas de milhares de pessoas "terão o caminho fechado a frente e atrás".

    "Como resultado, perturbações em grande escala poderão ocorrer", disse o oficial tcheco, acrescentando que seria melhor deter este fluxo migratório no território da Turquia.

    "Por isso queremos que a Turquia comece a cumprir seus acordos com a União Europeia", disse Prouza.

    Em dezembro de 2015, os países da União Europeia (UE) concordaram em designar 3.000 milhões de euros para a Turquia e retomar as negociações sobre sua adesão à UE se o país começasse a regular mais estritamente os fluxos migratórios em seu território e impedir o acesso de imigrantes irregulares para a UE.

    De acordo com a agência Frontex, mais de 1,83 milhões de pessoas entraram ilegalmente na UE em 2015.

    A Comissão Europeia qualificou a crise de imigração atual como a pior desde a Segunda Guerra Mundial.

    Mais:

    OTAN surpresa com proposta da Turquia e da Alemanha para a crise de refugiados
    Líder da Igreja Católica na Alemanha defende redução do número de refugiados
    ONG aplaude ajuda de US$ 11 bi a refugiados, mas cobra medidas de governos
    Refugiados se recusam a trocar Grécia por Letônia
    Tags:
    imigrantes, refugiados, Macedônia, Croácia, Eslovênia, Áustria, Alemanha, União Europeia, Europa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik