16:43 19 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Imagens do Observatório da Terra da NASA mostram o Lago Poopó cheio de água em 12 de abril de 2013 (esquerda) e quase seco em 15 de janeiro de 2016 (direita).

    Satélite comprova evaporação total do Poopó, segundo maior lago da Bolívia

    © AP Photo / NASA Earth Observatory via AP
    Mundo
    URL curta
    308
    Nos siga no

    Imagens de satélite confirmaram que as águas do Lago Poopó, o segundo maior da Bolívia, atrás apenas do Titicaca, foram totalmente evaporadas, segundo anunciou a Agência Espacial Europeia (ESA) nesta terça-feira (9).

    ​"A natureza rasa do lago, com uma profundidade média de apenas 3 metros, juntamente com os seus arredores de montanhas áridas, significa que ele é muito sensível a flutuações no clima", explicou a ESA.

    "Embora não seja a primeira vez que o Lago Poopó evapora (a última vez foi em 1994), teme-se que demore muitos anos para encher de novo, se é que isto chegue a acontecer", relatou a agência.

    A evaporação completa do lago de 3 mil metros quadrados foi comprovada por fotos do satélite Proba-V tiradas em 27 de abril de 2014, 20 de julho de 2015 e 22 de janeiro de 2016.

    As alterações climáticas, a seca persistente ligada ao El Niño no Oceano Pacífico e o uso da água do Poopó para mineração e agricultura são considerados os principais fatores responsáveis pelo fenômeno.

    ​Em 2002, o lago boliviano foi adicionado à lista de zonas úmidas de importância internacional da Convenção de Ramsar, um acordo ambiental intergovernamental que tem por objetivo "a conservação e o uso racional de todas as zonas úmidas através de ações locais e nacionais e de cooperação internacional, como uma contribuição para o desenvolvimento sustentável em todo o mundo".

    Mais:

    Acordo da COP 21 é aprovado para mudar a economia mundial e limitar aquecimento global
    COP 21: Governos dos 195 países precisam mostrar compromisso com o acordo
    Fundação SOS Mata Atlântica: água do Rio Doce tem qualidade péssima
    Tags:
    meio ambiente, recursos hídricos, evaporação, agricultura, mineração, aquecimento global, alterações climáticas, seca, El Niño, Oceano Pacífico, Lago Poopó, Titicaca, Bolívia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar