07:36 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Su-34 russo pousa na base aérea de Hmeymim

    Aviação russa aplicará 'medidas adequadas' para garantir segurança dos voos na Síria

    © Sputnik / Aleksander Astafiev
    Mundo
    URL curta
    Aviação russa combate terrorismo na Síria (111)
    27423
    Nos siga no

    Caso a Turquia deseje usar a sua Força Aérea na Síria, deverá observar estrictamente o memorando russo-estadunidense sobre a segurança de voos, disse nesta sexta-feira (5) o vice-ministro da Defesa da Rússia, Anatoly Antonov.

    O memorando foi assinado pela Rússia e pelos EUA em outubro de 2015. O instrumento visa garantir procedimentos comuns de segurança para as missões das coalizões "grande" (liderada pelos EUA) e "pequena" (liderada pela Rússia), que combatem, na Síria, o grupo terrorista Daesh.

    "Os EUA deram estas garantias [que o memorando será observado]", disse Antonov.

    O vice-ministro frisou que a Rússia "assinou o memorando sobre a segurança dos voos na Síria, considerando-o como um ponto de partida para a futura coordenação do combate ao terrorismo".

    Antonov lembrou que em 24 de novembro do ano passado, menos de dois meses depois do início da campanha aérea russa na Síria, a aviação turca abateu um Su-24 russo. Em um comentário logo depois da queda do avião, o presidente russo, Vladimir Putin, disse que foi "um golpe nas costas" por parte da Turquia.

    A resposta russa a esta ação "traiçoeira", segundo Moscou, foi a criação de um grupo de defesa antiaérea.

    Este grupo "permite detectar antecipadamente a ameaça aos aviões russos que realizam tarefas militares na Síria e usar medidas adequadas, caso seja necessário, para garantir a segurança dos voos", ressaltou o vice-ministro Antonov.

    Tema:
    Aviação russa combate terrorismo na Síria (111)
    Tags:
    Anatoly Antonov, Hmeymim, Turquia, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar