22:24 23 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Jens Stoltenberg, secretário-geral da OTAN

    OTAN acusa Rússia de planejamento de ataque nuclear contra Suécia

    © AFP 2018 / JOHN THYS
    Mundo
    URL curta
    682635

    No relatório anual, o secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, declara que o número de exercícios militares do exército russo nos últimos três anos aumentou consideravelmente e no curso de alguns deles até foi treinado uso de armas nucleares.

    Stoltenberg traz como exemplo o ano de 2013 quando, segundo as suas palavras, a Rússia realizou 18 treinamentos de grande escala.

    “Estes treinamentos incluíam simulação de ataques nucleares contra países-membros e parceiros da OTAN, nomeadamente os treinos em março de 2013 de ataque contra a Suécia”, sublinha-se no relatório.

    O secretário-geral da Aliança chamou as alegadas ações de Moscou de “fator imprevisível e desestabilizador” no sistema de segurança da OTAN.

    A OTAN vem reforçando sua presença militar na Europa Oriental desde a eclosão do conflito no sudeste da Ucrânia, em abril de 2014, alegando a necessidade de se contrapor a uma suposta “ameaça russa”.

    Moscou, por sua vez, tem negado repetidamente as acusações de envolvimento no conflito interno ucraniano. Por outro lado, a chancelaria russa também ressalta que a expansão militar da OTAN em direção às fronteiras ocidentais da Rússia representa uma ameaça real para a segurança global e regional.

    Tags:
    treinamento militar, exército, armas nucleares, exercício militar, OTAN, Jens Stoltenberg, Suécia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik