21:08 18 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Presidente do Irã, Hassan Rouhani, caminha pelo palácio presidencial, Quirinale, em Roma, Itália, 25 de janeiro de 2016

    Presidente do Irã defende combate ao terrorismo em Roma

    © REUTERS / Tony Gentile
    Mundo
    URL curta
    Irã fica sem sanções (28)
    780

    O presidente do Irã, Hassan Rohani, defendeu nesta segunda-feira (25) a necessidade de “uma grande coesão internacional” para combater o terrorismo. A proposta de Rohani foi manifestada durante reunião em Roma com o presidente italiano, Sergio Mattarella.

    “Para combater eficazmente o terrorismo, faz falta uma grande coesão internacional. Todos devem cumprir sua parte até ao fim e sem ambiguidades”, acrescentou o líder iraniano.

    No encontro também foi abordada a situação na Líbia, onde o governo de Tobruk, internacionalmente reconhecido, rejeita um executivo de unidade nacional patrocinado pelas Nações Unidas.

    “Sem um governo, a Líbia ficará nas mãos de traficantes de seres humanos. Nesta fase, é necessário que todas as partes alcancem um acordo, de modo a obter um executivo representativo. Apenas dessa forma será possível um compromisso por parte da comunidade internacional”, afirmou Rohani.

    O líder iraniano iniciou nesta segunda-feira, pela Itália, sua primeira viagem à Europa, incluindo visitas ao Vaticano e à França. As viagens são parte da sequência do acordo nuclear e do fim das sanções internacionais contra a República islâmica.

    Rohani deverá se reunir com o primeiro-ministro da Itália, Matteo Renzi, e na terça-feira (26) participará de um fórum económico e empresarial antes de ser recebido em audiência privada pelo papa Francisco.

    Na quarta-feira (27), o chefe de Estado iraniano viaja para França, última etapa da visita à Europa

    Tema:
    Irã fica sem sanções (28)

    Mais:

    Irã faz primeira transação de petróleo após levantamento das sanções
    Presidente da China espera iniciar ‘novo capítulo’ com o Irã
    Chanceler iraniano: os preços terão que se adaptar à volta do Irã ao mercado de petróleo
    Chanceler: Irã espera que Rússia aumente investimentos no país
    Irã declara prontidão para cooperar em projetos globais
    Especialista iraniano divulga direções de desenvolvimento do comércio entre Brasil e Irã
    Tags:
    relações internacionais, ONU, Sergio Mattarella, Papa Francisco, Matteo Renzi, Hassan Rouhani, Vaticano, Líbia, Europa, França, Roma, Itália, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar