12:53 19 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0012
    Nos siga no

    A coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos que combate o grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico) utilizará forças terrestres na Síria e no Iraque. A declaração é do secretário de Defesa dos EUA, Ashton Carter.

    “Carter afirmou que, no âmbito da estratégia da luta contra o Estado Islâmico na Síria e no Iraque será realizada uma operação terrestre”, relatou o canal televisivo norte-americano CNBC. 

    “Nós fazemos muito, pois nós precisamos fazer muito, pois nós precisamos derrotar o Estado Islâmico. Eu estou certo de que nós conseguiremos, mas eu pretendo acelerar este processo”, disse Carter, citado pela mídia local. 

    Anteriormente, o presidente norte-americano, Barack Obama, havia declarado que os EUA não se envolveria em uma nova guerra em grande escala na Síria e no Iraque. Assim, durante o discurso à nação em 7 de dezembro, Obama disse que isso levaria "à morte de milhares de tropas e escasses de recursos". 

    Mais:

    Canadá já não faz parte da coalizão contra o Daesh?
    Blackwater tem 400 mercenários na coalizão saudita, diz porta-voz do exército do Iêmen
    Coalizão internacional bombardeia depósito de dinheiro do Daesh no Iraque
    Coalizão saudita bombardeou hospital dos Médicos Sem Fronteiras no Iêmen
    HRW: coalizão árabe lança bombas em bairros residenciais no Iêmen
    Coalizão internacional matou 2,5 mil militantes do Daesh em dezembro
    Tags:
    EUA, Síria, Iraque, Ashton Carter, Estado Islâmico, Daesh, forças terrestres, coalizão internacional
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar