01:46 19 Outubro 2017
Ouvir Rádio
    Presidente da China, Xi Jinping, durante um discurso na Coreia do Sul, em 2014

    China sai em defesa do Estado palestino

    © Fotobank.ru/Getty Images/ SeongJoon Cho
    Mundo
    URL curta
    45343744

    A questão do Estado palestino não deve cair no esquecimento, enquanto o processo de paz no Oriente Médio deve ser apoiado, disse o presidente chinês, Xi Jinping, discursando hoje (21) na capital do Egito.

    Pequim é favorável à criação de um Estado palestino dentro das fronteiras pré-guerra de 1967, com Jerusalém Oriental como sua capital, segundo afirmou o presidente da China, dirigindo-se à Liga Árabe, no Cairo.

    "Somos a favor da criação de um novo mecanismo para promover a paz como quanto à questão do Oriente Médio, e apoiamos os esforços feitos pela Liga Árabe e pela Organização de Cooperação Islâmica para este fim", frisou o mandatário chinês, citado pela agência de notícias Xinhua.

    O presidente da China também prometeu alocar 50 milhões de yuans (cerca de US$ 7,6 milhões nas taxas de câmbio atuais) para os palestinos, bem como apoiar um projeto que visa instalar estações de energia solar em suas terras, de acordo com a agência de notícias.


    Mais:

    Papa Francisco defende Estado Palestino em encontro com presidente de Israel
    Tags:
    Estado Palestino, Organização de Cooperação Islâmica, Liga Árabe, Xi Jinping, Oriente Médio, Cairo, Jerusalém Oriental, Palestina, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik