12:05 18 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)
    20222
    Nos siga no

    Os terroristas do Daesh (também conhecido como Estado Islâmico) poderão em breve ser capazes de produzir armas para abater aeronaves civis e militares, segundo a mídia.

    Os cientistas e especialistas militares que trabalham em Raqqa, “capital” do Daesh na Síria, teriam encontrado uma maneira de produzir baterias térmicas artesanais para mísseis “terra-ar”.

    De acordo com o vídeo obtido pelo Sky News britânico, o Daesh pode agora usar milhares de mísseis que foram considerados imprestáveis pelos governos ocidentais devido à idade avançada.

    É de notar que as ogivas guiadas pelo calor têm uma precisão de 99%.

    Segundo o jornal britânico The Independent, que cita especialistas, vários grupos terroristas tiveram acesso a estas armas há muito, mas a criação da bateria térmica é uma tarefa muito difícil sem conhecimentos científicos especiais.

    O vídeo também mostrou experimentos do Daesh com um carro-bomba operado remotamente e "conduzido" por um manequim.

    Amplamente considerado como uma grande ameaça à segurança global, o Daesh conseguiu nos últimos três anos ocupar vastos territórios no Iraque e Síria e agora está tentando espalhar-se na Líbia e no resto do Norte de África.

    De acordo com várias estimativas, o grupo terrorista agora controla um território de cerca de 90 mil quilómetros quadrados.

    Tema:
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)

    Mais:

    Como o Daesh impede as pessoas de fugir do seu califado
    Angry Birds do Daesh? Terroristas podem usar pássaros-bomba
    Tags:
    aviação civil, mísseis, Daesh, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar