20:12 25 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    8211
    Nos siga no

    O secretário-geral da Liga Árabe, Nabil Araby, condenou hoje (3) "nos termos mais enérgicos" os ataques à embaixada saudita em Teerã e o consulado do reino na cidade de Mashhad, também no Irã.

    No sábado (2), manifestantes que protestavam no Irã contra a execução do proeminente clérigo xiita Sheikh Nimr al-Nimr por parte de Riad atacaram a embaixada e o consulado da Arábia Saudita.

    "O secretário-geral da Liga [Árabe] Nabil Araby condenou nos termos mais enérgicos os ataques à embaixada da Arábia Saudita em Teerã e o seu consulado em Mashhad, qualificando-os como uma flagrante violação das convenções internacionais", disse o comunicado da organização neste domingo.

    De acordo com a nota, Araby ressaltou que o Irã deve respeitar o princípio da não-ingerência nos assuntos internos dos países árabes.

    No sábado, o Ministério do Interior saudita anunciou a execução de al-Nimr, um crítico da monarquia saudita, juntamente com outras 46 pessoas condenadas por terrorismo.

    A decisão do reino foi condenada no mesmo dia por Teerã, assim como por algumas outras potências regionais e internacionais.

    Mais:

    Arábia Saudita: 47 pessoas acusadas de ataques terroristas são executadas
    Manifestantes iranianos ‘se vingam’ da Arábia Saudita por execução de clérigo (VÍDEO)
    Tags:
    consulado, embaixada, terrorismo, execuções, ataques, manifestações, Sheikh Nimr a-Nimr, Nabil Al-Araby, Mashhad, Teerã, Irã, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar