06:18 22 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    108
    Nos siga no

    Um documento do grupo terrorista Daesh permite usar órgãos de sequestrados.

    Um documento do grupo terrorista Daesh permite usar órgãos de sequestrados.

    O documento, junto com outros, foi obtido pelas tropas especiais dos EUA no âmbito de uma operação especial realizada em maio de 2015, informou a Reuters.

    A agência noticiosa sublinha que não conseguiu confirmar a autenticidade do documento.

    "Não é preciso ter respeito à vida e aos órgãos de um apóstata, eles podem impunemente ser extraídos," diz-se no documento que é uma fatwa, ou seja, deliberação emitida de acordo com a lei islâmica.

    É uma lei do assim chamado Comitê de Fatwas e Pesquisas do Daesh, que serve para esclarecer algo do ponto de vista da jurisprudência islâmica.

    De acordo com a fatwa 68, os órgãos de um sequestrado podem ser extraídos mesmo se isso implica a morte iminente deste último.

    A Reuters notou que "o documento não prova o fato de que os militantes do Daesh extraiam e vendam órgãos de sequestrados", mas a fatwa oferece "uma base religiosa para o uso de órgãos de infiéis".

    Mais:

    Mídia ocidental admite: ataques russos cortam receitas do Daesh pela metade
    Tags:
    criminalidade, terrorismo, Daesh, Oriente Médio, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar