05:18 22 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Recep Tayyip Erdogan, presidente da Turquia

    Erdogan acusa Síria de comprar petróleo do Daesh para desviar a atenção de si mesmo

    © REUTERS / Umit Bektas
    Mundo
    URL curta
    Petróleo do Daesh vai parar na Turquia? (24)
    8117

    O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, acusou Damasco de comprar petróleo do Daesh (Estado Islâmico) para desviar a atenção da mídia sobre sua própria família, segundo disse o vice-chanceler sírio, Faisal Mekdad, em entrevista à Sputnik nesta sexta-feira (18).

    No início de dezembro, Erdogan acusou um empresário sírio de ser o maior comprador de petróleo dos terroristas que controlam parte dos territórios da Síria e do Iraque. Além disso, o presidente turco alegou que o petróleo em questão havia sido posteriormente vendido para o regime sírio em Damasco.

    "Eles estão distorcendo a figura para deslocar a atenção para longe do próprio Erdogan e de sua família, que trabalhou com o petróleo sírio e iraquiano, vendendo-o no mercado interno turco e em alguns outros países. Estamos prontos para desafiá-lo a fornecer pelo menos uma prova de suas palavras", afirmou o vice-chanceler.

    Segundo Mekdad, Damasco tem comprado petróleo de seus aliados, como o Irã.

    Moscou tem feito inúmeras denúncias de que a Turquia é o principal agenciador do petróleo ilegal da Síria e do Iraque, acusando Erdogan e sua família de envolvimento direto nos negócios petrolíferos do Daesh, grupo proibido na Rússia.

    O Ministério da Defesa russo divulgou imagens de satélite mostrando colunas de centenas de caminhões transportando até 200.000 barris de petróleo ilegal para fora da Síria, nomeadamente, para a Turquia.

    Tema:
    Petróleo do Daesh vai parar na Turquia? (24)

    Mais:

    Rússia anuncia que já destruiu 1.200 caminhões de petróleo ilegal na Síria
    Companhias suíças são pegas exportando petróleo ilegal do Daesh
    Filho de Erdogan nega envolvimento em contrabando de petróleo do Daesh
    Iraque: Daesh contrabandeia todo o petróleo através da Turquia
    Tags:
    família, presidente, regime, imagens, satélite, caminhões-tanques, petróleo ilegal, petróleo, ISIS, ISIL, Estado Islâmico, Daesh, Ministério da Defesa, Faisal Mekdad, Recep Tayyip Erdogan, Iraque, Rússia, Turquia, Damasco, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik