19:23 25 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu mostra a Vladimir Putin o gravador de voo do Su-24 derrubado na Síria

    Putin: caixa preta revelará verdade sobre Su-24 derrubado pela Turquia

    © AP Photo/ Mikhail Klimentyev
    Mundo
    URL curta
    Aviação russa combate terrorismo na Síria (111)
    335178491

    Os dados da caixa preta do caça russo Su-24 abatido comprovarão que a aeronave estava no espaço aéreo sírio quando foi atacada pelas forças turcas, disse o Presidente Vladimir Putin nesta terça-feira.

    Anteriormente, também nesta terça-feira, o ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, mostou a Putin a caixa preta recuperada na Síria por forças russas e sírias.

    "Pelo que entendo, o gravador de dados do voo nos dará a oportunidade de entender a trajetória do Su-24 do momento de sua decolagem até o momento da queda", disse Putin. "Isto significa que conseguiremos saber onde ele estava (no momento em que foi atingido) e onde foi executado o golpe traiçoeiro da Força Aérea turca."

    Putin também declarou que a caixa preta deve ser aberta apenas na presença de especialistas internacionais. O presidente agradeceu a todos que participaram da operação de busca e resgate da caixa preta do caça russo Su-24, que foi derrubado no dia 24 de novembro pela Força Aérea turca.

    "Devemos certamente agradecer a nossos militares, à equipe de forças especiais, às equipes de busca e resgate, e aos soldados sírios por recuperarem o gravador, que certamente nos ajudará a entender o que aconteceu", afirmou Putin em uma reunião com Shoigu.

    Ancara insiste em afirmar que o caça russo havia violado o espaço aéreo turco antes de ser derrubado. Moscou argumenta que a aeronave estava em espaço aéreo sírio quando foi atacada.

    Durante o encontro com Shoigu, Putin também abordou a campanha aérea contra o Daesh, também conhecido como Estado Islâmico. O presidente afirmou que os ataques com armas de alta precisão devem ser analisados de forma contínua e disse acreditar que a luta contra o terrorismo não necessitará do uso de ogivas nucleares.

    "Devemos, é claro, analisar tudo, tudo que acontece no campo de batalha e como as armas estão funcionando. Os foguetes A-101, no todo, vêm se mostrando muito bem; eles são novos, modernos e altamente eficientes", disse Putin.

    "Sabemos que armas de alta precisão podem ser equipadas com ogivas convencionais e especiais, ou seja, ogivas nucleares. Naturalmente, na luta contra os terroristas, esperamos que algo assim nunca seja necessário."

    Tema:
    Aviação russa combate terrorismo na Síria (111)

    Mais:

    Caças russos Su-24 e Su-25 embarcam em novas missões contra Daesh na Síria (VÍDEO)
    Wikileaks: Erdogan é que planejou o abate do Su-24 russo
    Erdogan diz estar "chateado" com reação da Rússia ao incidente do Su-24
    Rússia não planeja levantar questão do Su-24 no Conselho de Segurança da ONU
    Abate do Su-24 teve objetivo de minar processo de paz na Síria?
    Tags:
    ogiva nuclear, caixa-preta, incidente aéreo, Su-24, Estado Islâmico, Daesh, Força Aérea de Israel, Ministério da Defesa (Rússia), Sergei Shoigu, Vladimir Putin, Síria, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik