15:35 25 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Rebelde em frente à refinaria de petróleo, após captura pelas forças opositoras ao governo da cidade de Ras Lanouf, no Leste da Líbia

    Iraque: Daesh contrabandeia todo o petróleo através da Turquia

    © AP Photo/ Hussein Malla
    Mundo
    URL curta
    3112072

    Após a violação da soberania do Iraque por tropas terrestres turcas, o primeiro-ministro iraquiano, Haider Abadi, acusou seu vizinho de cooperar a maior parte do petróleo ilegal contrabandeado pelos terroristas do Daesh (Estado islâmico).

    Durante uma reunião com o ministro das relações exteriores da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, Abadi destacou a importância de interromper o contrabando de petróleo a partir dos territórios do Iraque e da Síria controlados pelo Daesh. Ele também pediu apoio internacional para ajudar seu país a lutar contra o Estado Islâmico.

    “A Turquia é um país vizinho do Iraque, e um país que deve ser amigo do Iraque. Eles nos prometeram que iriam interromper a entrada de terroristas, no entanto, precisamos de mais ação, a fim de parar o acesso de terroristas da Turquia na Síria e no Iraque. Também deve parar o contrabando de petróleo da Síria e do Iraque e o financiamento do Daesh em um sentido geral através deste comércio ilegal", disse Abadi.

    O chanceler iraquiano disse que o lado turco estava ciente da questão que eles prometeram resolver pela resolução do Conselho de Segurança das Nações Unidas adotada no mês passado, pedindo todas as nações para combater a ameaça do Daesh.

    De acordo com as últimas estimativas mais de 43% das receitas do Estado Islâmico vem do comércio ilegal de petróleo. O Ministério da Defesa da Rússia apresentou dados reunidos durante as operações aéreas na Síria que mostram que a maior parte do contrabando ilegal é feito através da Turquia.

     

    Mais:

    Opinião: Erdogan sente-se bem com Daesh e quer combater curdos em vez de terroristas
    Caças russos Su-24 e Su-25 embarcam em novas missões contra Daesh na Síria (VÍDEO)
    Jihad torna-se macia: algodão é a nova fonte de renda do Daesh
    Se a Rússia vencer o Daesh para onde irão os milhares de jihadistas?
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik