16:15 20 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Manifestantes queimam a bandeira da OTAN durante protesto em Belgrado, Sérvia. 13 de junho, 2011

    Queime Depois de Ler: bandeira da OTAN não pegou em Montenegro

    © AP Photo/ Darko Vojinovic
    Mundo
    URL curta
    162762402

    Na entrada à capital de Montenegro, Cetinje, junto das bandeiras de Montenegro e da União Europeia foi recentemente içada a bandeira da OTAN.

    Cinco dias depois, a bandeira do bloco militar, que na semana passada (2 de dezembro) convidou Montenegro a começar negociações sobre a adesão, foi queimada.

    Este fato não surpreende porque, segundo pesquisas de opinião pública e informação obtida nas ruas por jornalistas, a maioria dos cidadãos não apoia a decisão de aderir à Aliança Atlântica.

    Cabe mencionar também que a bandeira da OTAN veio substituir a histórica bandeira militar de Montenegro (Krstas-barjak). Segundo comentários na Internet, o povo montenegrino avaliou este acontecimento como mais um ato contra a história e as tradições do país balcânico. 

    Ainda em Setembro, quando os EUA anunciaram que pretendiam convidar Montenegro para aderir à OTAN, os cidadãos saíram às ruas em protesto. Além de oposição à adesão ao bloco militar, os manifestantes exigiam a demissão do premiê Milo Djukanovic.

    Em 2 de desembro foi queimada a bandeira da OTAN, içada em vez da histórica e tradicional de Montenegro - Krstas-barjak. A legenda: Boa noite, Montenegro.
    © Foto: Facebook/Optimus Prime
    Em 2 de desembro foi queimada a bandeira da OTAN, içada em vez da histórica e tradicional de Montenegro - Krstas-barjak. A legenda: "Boa noite, Montenegro".
    Por isso, os acontecimentos da noite passada parecem lógicos. Os cidadãos ainda se lembram claramente dos acontecimentos de 1999 e os associam com a bandeira da OTAN, porque na altura a Aliança bombardeou não só alvos militares, mas também civis na Iugoslávia, provocando muitas vítimas mortais, inclusive 400 crianças. Ora Montenegro fazia parte do território iugoslavo. 

    Bandeira da OTAN içada em Montenegro foi queimada
    © Foto: Facebook/Marko Milacic
    Bandeira da OTAN içada em Montenegro foi queimada
    Na altura, o governo do país declarou que os protestos visaram minar a adesão de Montenegro à OTAN e alegaram existir “a mão de Moscou” nos acontecimentos. O Kremlin tem declarado várias vezes que nada tem a ver com os acontecimentos, embora tenha expressado constantemente sua preocupação com a crescente presença militar da Aliança ocidental no Leste Europeu, advertindo que a situação pode ameaçar a estabilidade regional e global.

    Tags:
    bandeira, OTAN, Balcãs, Montenegro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik