13:26 25 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Agentes do FBI investigam ataque em San Bernardino, na Califórnia

    FBI classifica como ato terrorista o ataque em San Bernardino

    © REUTERS / Mike Blake
    Mundo
    URL curta
    503

    O tiroteio em massa na cidade de San Bernardino, na última quarta-feira, está sendo investigado como ato terrorista, informou David Bowdich, diretor-assistente do FBI em Los Angeles, nesta sexta-feira.

    “Estamos agora investigando esses ator terríveis como atos de terrorismo”, disse Bowdich em encontro com jornalistas.

    A decisão acontece depois de relatos de que um dos atiradores, Tashfeen Malik, alegou aliança ao Daseh, grupo terrorista também conhecido como Estado Islâmico. Relatos anteriores também indicavam que seu marido e cúmplice, Syed Rizwan Farook, manteve contato com pessoas suspeitas de terrorismo em redes sociais.

    Imagem de Syed Rizwan Farook fornecida pelo departamento de trânsito da Califórnia
    © AP Photo / California DMV
    Imagem de Syed Rizwan Farook fornecida pelo departamento de trânsito da Califórnia

    Ainda não há provas que sugiram que o Daesh orientou a dupla a executar o ataque, mas Malik e Farook talvez tenham se tornado radicais por conta própria.

    Um oficial do FBI afirmou que havia “certa possibilidade” de que os atiradores estivessem planejando um segundo ataque. O FBI também ressaltou que não está ciente de outras ameaças terroristas aos Estados Unidos neste momento.

    Segundo a MSNBC, um oficial do FBI afirmou que o órgão está atualmente investigando uma pessoa procurada que pode ter comprado legalmente e fornecido a Farook os rifles usados no ataque.

    Malik e Farook abriram fogo em uma sala de reuniões de um centro para pessoas com deficiência na última quarta-feira, matando 14 pessoas e ferindo outras 21. Ambos foram mortos horas depois em uma troca de tiros com a polícia.

    Uma busca na residência do casal encontrou grandes quantidades de munição e material explosivo. 

    Mais:

    FBI lança campanha contra espionagem econômica
    FBI: EUA usam Primavera Árabe como bode expiatório
    FBI prende jovem que planejava atentado contra base militar no Kansas
    Tags:
    terrorismo, tiroteio, ataque, Estado Islâmico, Daesh, FBI, Syed Rizwan Farook, Tashfeen Malik, EUA, San Bernardino
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar