22:14 17 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Forças iraquianas em combate contra militantes do EI nos arredores de Ramadi

    Daesh impede saída de civis de Ramadi e planeja usá-los como escudo humano

    © AP Photo / Osama Sami
    Mundo
    URL curta
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)
    328
    Nos siga no

    Os moradores de Ramadi, na província iraquiana de Anbar, não estão conseguindo deixar a cidade, conforme solicitou o governo do Iraque na segunda-feira (1). Segundo publicou a agência FARS, fontes militares disseram que o Daesh (também conhecido como Estado Islâmico, grupo terrorista proibido na Rússia e em outros países) impede a saída dos civis.

    As forças de segurança iraquianas iniciarão uma operação de larga escala para expulsar os militantes de Ramadi e alertarem os cidadãos para não permanecerem na cidade estratégica. No entanto, o grupo jihadista está planejando usar os civis como escudo humano e por isso não permite a saída.

    Na segunda-feira (30), o primeiro-ministro iraquiano, Haider al-Abadi, rechaçou o envio de tropas estrangeiras ao pais proposto por senadores dos EUA. Embora se mostrasse favorável à chegada de armas e ao apoio aéreo dos “sócios internacionais”, ele disse que o Iraque tem militares suficientes para combater o Daesh.

    Tema:
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)
    Tags:
    cidade estratégica, ataque, operação, militares, armas, apoio aéreo, impedir, proibição, pedido, saída, escudo humano, Daesh, Estado Islâmico, Haider al-Abadi, EUA, Ramadi, Iraque
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar