23:30 20 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Pessoal técnico militar russo faz manutenção de aviões Su-24 no aeroporto Hmeimim, na Síria

    Moscou quer assassinos de piloto russo incluídos em lista de terroristas

    © Sputnik / Dmitry Vinogradov
    Mundo
    URL curta
    Turquia abate bombardeiro russo na Síria (115)
    36532
    Nos siga no

    A Rússia exige que os assassinos do piloto que morreu quando descia de paraquedas do Su-24 derrubado pela Força Aérea turca sejam incluídos na lista internacional de grupos terroristas sírios, afirmou o ministro de Relações Exteriores, Sergei Lavrov, nesta sexta-feira.

    "É absolutamente necessário para nós que o grupo que atirou em nosso piloto quando ele ejetou e estava descendo ao solo, sem defesa, de paraquedas, e então violaram seu corpo, seja incluído na lista de organizações terroristas internacionais", disse Lavrov em uma entrevista coletiva após conversar com o seu equivalente sírio, Walid Muallem.

    O ministro afirmou também que o mesmo valia para os militantes que mataram um soldado das forças especiais russas durante uma operação de resgate para buscar o piloto sobrevivente do Su-24 em território sírio sob controle de forças militantes.

    Na terça-feira, um caça Su-24 foi derrubado na Síria enquanto realizava missões de combate contra terroristas. A avião foi abatido por um míssil ar-ar disparado por um caça F-16 turco em resposta a uma suposta violação do espaço aéreo turco.

    O Estado Maior russo a o Comando de Defesa Aérea da Síria confirmaram que o Su-24 nunca esteve no espaço aéreo turco e foi derrubado em território sírio.

    Tema:
    Turquia abate bombardeiro russo na Síria (115)

    Mais:

    França fez dura condenação ao ataque da Turquia contra a Rússia no Conselho da OTAN
    Rússia congelará todos os projetos de cooperação técnico-militar com Turquia
    ‘Esqueça Estado Islâmico - Turquia é um novo califado’
    Lavrov: Turquia passou dos limites
    Turquia tem medo de voar sobre a Síria
    Tags:
    incidente aéreo, inclusão, lista, terrorismo, F-16, Su-24, Ministério das Relações Exteriores, Comando de Defesa Aérea da Síria, Estado Maior, Walid Muallem, Sergei Lavrov, Síria, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar