13:55 06 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Turquia abate bombardeiro russo na Síria (115)
    50911
    Nos siga no

    Paris condenou asperamente a derrubada do bombardeiro russo Su-24 por parte da Turquia durante a reunião do Conselho da OTAN em 24 de novembro, segundo revelou uma fonte diplomática nesta sexta-feira (27).

    Após o incidente, a OTAN expressou solidariedade com a Turquia e ofereceu apoio para Ancara dizendo que as avaliações do incidente por parte da Aliança do Norte eram consistentes com as informações fornecidas pelo país, que alegou que o avião de guerra russo havia brevemente violado o espaço aéreo turco.

    "A Grécia foi a primeira a se pronunciar no Conselho, e deu o tom para a discussão, porque as aeronaves turcas constantemente violam o espaço aéreo grego. Em seguida, o representante francês fez um discurso duro", disse a fonte à Sputnik, acrescentando que o apoio da OTAN não foi unânime.

    Segundo a fonte, o representante de Paris disse que as atividades turcas estavam minando a operação contra o grupo terrorista Estado Islâmico.

    Tema:
    Turquia abate bombardeiro russo na Síria (115)

    Mais:

    Opinião: França e Alemanha não apoiarão a Turquia no incidente envolvendo Su-24 russo
    Rússia pode contar com a França na investigação do ataque ao A321
    Gastos da França contra o terrorismo será de € 600 milhões
    Tags:
    derrubada, condenação, queda, ataque, Su-24, OTAN, Estado Islâmico, Turquia, Grécia, França, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar