10:39 20 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Chanceler da Rússia, Sergei Lavrov.

    Kremlin: ao derrubar avião russo Turquia tomou lado do Estado Islâmico

    © Sputnik / Evgeny Biyatov
    Mundo
    URL curta
    5201

    O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, declarou em conversa telefônica com seu colega de pasta turco Mevlut Cavusoglu que ao derrubar o avião militar russo Su-24 na Síria,as autoridades da Turquia, de fato, tomaram o partido do Estado Islâmico.

    A informação foi prestada nesta quarta-feira (25) em comunicado oficial pelo ministério russo das Ralação Exteriores.

    "Foi destacado que ao abater o avião russo, que cumpria objetivos no âmbito da operação antiterrorista das Forças Aeroespaciasi da Rússia na Síria e não havia violado o espaço aéreo da Turquia, o governo turco, de fato, ficou do lado do Estado Islâmico" – diz a nota da chancelaria russa.

    O comunicado destaca ainda que o ministro russo "expressou indignação perante as ações inamistosas da Turquia".

    Na terça-feira (24) um caça russo Su-24 foi derrubado por um míssil ar-ar turco em espaço aéreo sírio. O Ministério da Defesa garantiu ter provas objetivas de que durante todo o voo o avião se manteve sempre sobre o território da Síria.

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, declarou que o incidente um "golpe pelas costas", que terá consequências sérias para as relações entre Moscou e Ancara.

    Mais:

    Kremlin anuncia ações duras em relação à Turquia
    Piloto do Su-24 abatido: não houve avisos da parte turca
    Tags:
    avião, terrorismo, Estado Islâmico, Mevlut Cavusoglu, Sergei Lavrov, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar