20:48 12 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Rússia combate Estado Islâmico na Síria (291)
    21741
    Nos siga no

    O chefe do comitê para as relações exteriores da Duma (câmara baixa do parlamento russo), Aleksei Pushkov, declarou que a Rússia responderá ao atentado contra o avião Su-24 na Síria reforçando as suas ações contra o Estado Islâmico.

    "Na minha opinião, uma das consequências da queda do Su-24, eu não tenho nenhuma dúvida, será o fortalecimento das ações da Rússia contra o Estado Islâmico. Se alguém em Ancara planejou isso como uma campanha de intimidação contra a Rússia, é um erro de cálculo, porque as relações tiveram danos muito graves, e este ato de intimidação não vai alcançar seu objetivo", disse Pushkov a repórteres.

    O parlamentar russo acrescentou que, durante o encontro com o ministro das relações exteriores da Síria, Walid Muallem, na Duma, manifestou este ponto de vista ao chanceler sírio. 

    Na última terça-feira (24), um caça russo Su-24 foi derrubado por um míssil turco no espaço aéreo sírio. O Ministério da Defesa sublinhou que, durante todo o voo, o avião se manteve sempre sobre o território da Síria. "Isto foi registrado por meios de controle objetivos", acrescentou o departamento militar.

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, classificou o ato como "um golpe nas costas".

    Tema:
    Rússia combate Estado Islâmico na Síria (291)

    Mais:

    Su-24: representante da chancelaria russa não se esquecerá das palavras dos americanos
    Ex-comandante da OTAN diz que Turquia tem interesse em preservar o Estado Islâmico
    Chanceler russo dá coletiva após derrubada do Su-24 (VÍDEO)
    Vladimir Putin condecora militares envolvidos na queda do Su-24
    Tags:
    ataques, atentado, Estado Islâmico, Aleksei Pushkov, Turquia, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar