08:58 30 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    475
    Nos siga no

    Aviões que decolaram do navio francês Charles de Gaulle destruíram, nesta segunda-feira, dois alvos do grupo jihadista Estado islâmico no Iraque, afirma um comunicado do Estado-Maior da França publicado na conta de Twitter do órgão.

    "Primeiros voos do Grupo Aeronaval contra o Daesh (Estado Islâmico) no Iraque, dois alvos destruídos", diz o texto.

    O navio chegou ao leste do Mediterrâneo na noite de domingo. Vários veículos da imprensa francesa relatam que a missão do porta-aviões Charles de Gaulle demorará pelo menos quatro meses.

    A embarcação leva a bordo 18 caças Rafale, oito aviões de ataque supersônicos Dassault Super-Etendard e mais dois aviões Hawkeye. A tripulação é formada por cerca de 1.900 integrantes entre marinheiros, pilotos e mecânicos.

    Mais:

    Hollande: França usará porta-aviões para causar danos máximos ao Estado Islâmico
    Único porta-aviões francês bombardeia Estado Islâmico
    Porta-aviões da Rússia passará por modernização para receber novas aeronaves
    Porta-aviões francês coopera com militares russos
    Tags:
    ataque aéreo, terrorismo, alvos, porta-aviões, Rafale, Charles de Gaulle, Estado Islâmico, Marinha da França, França, Mar Mediterrâneo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar