04:28 19 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Explosões teriam ocorrido a 200 metros de um hospital do Hezbollah na capital libanesa

    Ataques a bomba deixam dezenas de mortos e feridos em Beirute

    © AP Photo/ Hussein Malla
    Mundo
    URL curta
    167815

    Pelo menos 37 pessoas foram mortas e outras 180 ficaram feridas após duas explosões sacudirem o sul da cidade de Beirute, no Líbano, nesta quinta-feira, informou a mídia local.

    De acordo com o canal de TV Al Arabiya, as Forças Armadas libanesas foram destacadas para isolar as áreas, supostamente atingidas por terroristas. 

    Segundo o Daily Star, as bombas, detonadas em ataques suicidas, teriam explodido a cerca de 200 metros de um hospital administrado pelo Hezbollah, em Burj al-Barajneh. 

    Criado no Líbano no início dos anos 1980, e considerado uma organização terrorista por vários países ocidentais, o Hezbollah é um movimento xiita com atuação política e militar que, atualmente, participa de ofensivas ao lado do exército sírio contra os jihadistas do Estado Islâmico. 

    Mais:

    Aliança do exército sírio com Hezbollah é mais útil do que ajuda americana
    Hezbollah executa comandantes do EI no Líbano
    Tags:
    explosão, ataque a bomba, xiitas, Daily Star, Al-Arabiya, Hezbollah, Cruz Vermelha, Estado Islâmico, Síria, Burj al-Barajneh, Beirute, Líbano
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik