08:52 13 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    318
    Nos siga no

    O governo alemão está tentando encobrir o escândalo em torno da agência de inteligência nacional do país (BND), declarou uma fundação para a política liberal na Alemanha nesta quarta-feira (11).

    Três membros do Parlamento alemão deverão apresentar um relatório sobre as atividades do BDN na Europa e nos Estados Unidos perante um comitê de fiscalização parlamentar no final do dia.

    De acordo com a estação de rádio alemã RBB, o BND teria espionado um diplomata alemão e o ministro das Relações Exteriores francês Laurent Fabius.

    "O atual governo federal está fazendo de tudo para não permitir o esclarecimento do caso BND", disse Sabine Leutheusser-Schnarrenberger, integrante do conselho da Fundação Friedrich Nauman para a Liberdade, em um comunicado.

    Em abril, a imprensa alemã revelou que o BND deu assistência à Agência de Segurança Nacional dos EUA (NSA) na espionagem de figuras políticas de alto escalão em toda a Europa, em troca de acesso à tecnologia de vigilância de ponta.

    A comissão do Bundestag (parlamento alemão) foi criada para investigar o escândalo de espionagem, incluindo as denúncias sobre a escuta de milhões de alemães por várias agências de inteligência estrangeiras.

    Mais:

    Segurança da internet: Como se defender da espionagem internacional?
    Sistema de espionagem pode ter sido vendido para jihadistas
    Inteligência alemã deleta listas de espionagem da NSA “por acidente”
    Tags:
    vigilância, escutas, espionagem, escândalo, agência, segurança, serviço secreto, inteligência, Agência Nacional de Segurança (NSA), BND, Fundação Friedrich Nauman para a Liberdade, Bundestag, Laurent Fabius, Estados Unidos, União Europeia, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar