10:10 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Em encontro na Casa Branca, Obama e Netanyahu deram início nesta segunda-feira (9) às negociações sobre o novo Memorando de Entendimento para ajuda militar dos EUA a Israel

    Parlamentares pressionam Obama para aumentar ajuda militar a Israel

    © AP Photo/ Andrew Harnik
    Mundo
    URL curta
    5458111

    Os Estados Unidos devem fornecer a Israel a ajuda necessária para que Tel Aviv possa deter ameaças regionais, segundo afirmou um grupo de senadores norte-americanos em carta enviada ao presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, nesta segunda-feira.

    "Diante desse envolvimento e do ambiente incerto, o apoio e a assistência dos EUA a Israel são urgentemente necessários", disseram os parlamentares, destacando o Irã como grande ameaça. 

    Barack Obama e Benjamin Netanyahu
    © AP Photo/ Pablo Martinez Monsivais, foro de arquivo

    Mais cedo, Obama recebeu em Washington o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, que apresentou ao presidente norte-americano a sua visão sobre a crise na Síria, as relações com a Palestina e a implementação do acordo nuclear iraniano, dando início às negociações sobre um novo Memorando de Entendimento para ajuda militar, já que o atual pacote só tem validade até 2017. 

    De acordo com os senadores americanos, os EUA devem se preocupar em aumentar a "vantagem militar qualitativa" de Israel em relação aos países vizinhos, fornecendo mais sistemas de artilharia, mais fundos para desenvolver sistemas de mísseis conjuntos, mais tecnologias de mapeamento, inteligência e pesquisa e mais cooperação no setor de segurança cibernética. 

    "Como as ameaças na região continuam evoluindo, nós pedimos a você que se envolva no mais alto nível para continuar o processo de desenvolvimento de um entendimento compartilhado sobre o ambiente de ameaça que confronta Israel, e para tomar medidas corajosas para fortalecer o Memorando de Entendimento que serve de fundação para os nossos esforços bilaterais de segurança", escreveram os parlamentares. 

    Antes do encontro entre Obama e Netanyahu, órgãos de imprensa dos dois países informaram que o premier israelense estaria estudando pedir uma ajuda no valor de 50 bilhões de dólares, com validade de dez anos. 

    Mais:

    Israel realiza ataques aéreos contra Gaza após lançamento de foguetes por Hamas
    Oficial israelense acusa Obama de ‘antissemitismo moderno’
    Tags:
    programa nuclear iraniano, Memorando de Entendimento, segurança, Senado, Benjamin Netanyahu, Barack Obama, Oriente Médio, Irã, Washington, Tel Aviv, Israel, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik