03:34 21 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Cena do filme Unidade 1

    Semana de Filmes Russos: desafios da montagem com cenas de guerra no filme “Número 1”

    Imagem de divulgação
    Mundo
    URL curta
    3865101

    Realizada com grande sucesso pela primeira vez no Brasil em 2013, a Semana de Filmes Russos volta ao país em novembro para trazer ao público brasileiro o que há de mais recente no cinema russo. Os espectadores terão a oportunidade de assistir a filmes produzidos entre 2014 e 2015, premiados em festivais de cinema russos e internacionais.

    O filme “Número 1”, que foi produzido com o apoio do Ministério da Cultura da Rússia no âmbito das comemorações dos 70 anos do Dia da Vitória, aborda a temática patriótica da União Soviética durante a Segunda Guerra Mundial. 

    No longa-metragem, quando as forças soviéticas continuam sua ofensiva no leste da Polônia, em agosto de 1944, a divisão do tenente Yegorov tem a missão proteger a ponte através da qual se planeja a travessia do Exército Soviético. Chegando na posição, os soldados descobrem um mosteiro em ruínas, e se deparam com um grupo de órfãos surdos com a professora Eva.

    O diretor de edição do filme, Serguey Fedotov, conta como foi o desafio de trabalhar com cenas de batalha, destacando os prós e contras da montagem no processo de filmagem.

    Segundo ele, o gênero militar combina a especificidade da edição de drama e ação. “Se falamos sobre a montagem de cenas de batalha, no filme ‘Número 1’ a dificuldade se deu muito por conta do número de personagens principais e da geografia das filmagens. Na história, os fatos se passam na Polônia, nas margens de um rio, ao lado do mosteiro. A parte da filmagem no rio aconteceu na Rússia, na região de Kaluga, e a parte do mosteiro foi filmada em um castelo histórico na Polônia”, disse Fedotov.

    O diretor de edição destaca que algumas cenas de batalha ocorrem ao mesmo tempo no mosteiro e na posição do rio, alguns dos personagens estão no mosteiro e alguns estão no rio. “Precisávamos de uma montagem muito dinâmica seguindo uma ordem, para não esquecer de nenhum protagonista do filme, para criar a impressão de que tudo isso não ocorre em diferentes países, mas em um raio de uma centena de metros, para manter a tensão contínua e ao mesmo tempo não transformar tudo em um tiroteio sem sentido”. 

    A Semana de Filmes Russos, que acontecerá no Espaço Itaú de Cinema, em Botafogo, no Rio de Janeiro, entre os dias 12 e 17 de novembro, também exibirá produções de curta metragens. Em breve, a programação completa será divulgada ao público, bem como os horários das sessões.

    A Segunda Semana de Filmes Russos é patrocinada pelo Ministério da Cultura da Federação Russa, Fundação “Notícia Boa”, Mir Mídia & Consultoria Internacional, Agência de Notícias e Rádio Sputnik e Espaço Itaú de Cinema.

    Mais:

    Semana de Filmes Russos: inusitada amizade entre russo e alemão na Segunda Guerra Mundial
    Semana de Filmes Russos traz juventude do escritor Anton Tchekhov às telas do Rio
    Com apoio da Rússia, Rio recebe Segunda Semana de Filmes Russos
    Dois filmes brasileiros são premiados no Festival de Veneza
    Tags:
    filmagem, filme, guerra, Cinema, Segunda Semana de Filmes Russos, Polônia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik