03:30 21 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Chanceler russo Sergei Lavrov durante a visita de trabalho à Armênia, Erevan, 9 de novembro de 2015

    Rússia pretende elaborar lista de grupos terroristas na Síria

    © Sputnik/ Asatur Yesayants
    Mundo
    URL curta
    3104081

    A Rússia espera começar a elaborar uma lista conjunta de organizações terroristas na Síria com os seus parceiros na regularização da situação no Oriente Médio durante uma reunião em Viena, disse o ministro das Relações Exteriores russo Sergei Lavrov.

    “Esperamos que os nossos parceiros respondam para darmos início não a acusações infundadas sobre quem é considerado terrorista e sobre quem é moderado mas sim à elaboração de uma única lista.

    Neste caso, não serão levantadas questões de quem realiza ataques contra quem e quem dá apoio a quem“, disse Lavrov durante o encontro com o seu colega armênio Edvard Nalbandyan em Erevan.

    Lavrov afirmou que é preciso também criar uma lista dos grupos de oposição que estão prestes a travar negociações com o governo sírio com base em Comunicado de Genebra. Por isso, o objetivo do próximo encontro internacional é conciliar as duas listas.

    Entre os temas do encontro esteve também a violação dos direitos dos cristãos no Oriente Médio. É conhecido que os cristãos sofrem perseguições por parte do Estado Islâmico.

    “A Rússia e a Armênia estão preocupadas com o destino dos cristãos que, em condições de crise e desencadeamento de terrorismo principalmente do chamado Estado Islâmico, são alvo de perseguição, discriminação e a sua vida está sob ameaça desta estrutura terrorista e dos seus cúmplices”, disse Lavrov aos jornalistas depois das negociações.

    O chanceler russo afirmou que foi iniciativa da Rússia e Armênia realizar uma reunião especial no âmbito do Conselho dos Direitos Humanos da ONU sobre a proteção dos cristãos no Oriente Médio e acrescentou que, em muitos países e organizações internacionais, está sendo preparada uma série de iniciativas sobre este problema.

    Tags:
    terroristas, cristãos, direitos humanos, Estado Islâmico, Sergei Lavrov, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik