02:23 17 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Sistemas russos de DAM S-400 durante a Parada da Vitória, 9 de maio, 2015

    Rússia ajudará Índia a modernizar exército

    © AP Photo / Alexander Zemlianichenko, foto de arquivo
    Mundo
    URL curta
    18392

    No âmbito da visita do premiê da Índia à Rússia, previsto para dezembro do ano em curso, pode ser assinado o maior acordo da defesa dos últimos anos.

    A posição principal do acordo, sem dúvida, será a compra pelo lado índio de um novo sistema de defesa antiaérea (DAM) S-400 criado por especialistas russos. Segundo fontes do Ministério da Defesa da Índia, como resultado das negociações recém-realizadas entre ministros da Defesa russo e indiano pela Índia foi tomada a decisão de comprar dez sistemas. O valor estimado por sistema é 6 bilhões de dólares.

    A Sputnik pediu um comentário ao marechal da aviação na demissão Anil Chopra, que disse:

    “Devemos pagar pelo equipamento moderno. Quanto compramos MiG-21, pagamos por cada um 10 milhões de rupias. E hoje pagamos 4 bilhões… O nosso sistema de defesa antiaérea tornou-se obsoleto há cerca de 40 anos. Nós fomos meio lentos modernizando-lo e agora devemos pagar caro para comprar técnica nova”.

    Além dos S-400, primeiramente o acordo previa também a construção conjunta russo-indiana de 127 caças T-50 com o custo de 25 milhões de dólares. Mas tempo passado o lado tinham divergências a íntegra das quais nunca foi especificada. Só sabemos que as negociações entre as partes continuam.

    Além disso, também continuam as negociações sobre a aquisição pela Índia do direito para construir helicópteros multimissão Ka-226T. Altos fontes no Ministério da Defesa da Índia que pediram no anonimato divulgaram que “é pouco provável que o governo queria demorar nesta questão”, já que o parque de helicópteros indiano também precisa muito ser modernizado.

    Enquanto isso, as negociações próximas tratarão das questões de cooperação entre departamentos militares da marinha dos dois países, e podem resultar na assinatura do contrato para leasing de longo prazo das submarinas russas pela Marinha da Índia. E na perspectiva de longo prazo no país mesmo pode ser criado um hub russo-índio de reparação de submarinas.

    Tendo em conta o fato que durante as negociações o presidente russo, Vladimir Putin, e o premiê da Índia, Narendra Modi, devem discutir também a construção de blocos energéticos de usinas nucleares em vários estados da Índia, o custo dos quais superará os 10 bilhões de dólares, o que é um montante recorde na história de cooperação técnico-militar entre a Índia e a Rússia.

    Tags:
    modernização, exército, cooperação, Índia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik