01:49 24 Maio 2019
Ouvir Rádio
    Tumultos na Cisjordânia

    Bebê palestino morre asfixiado por gás lacrimogêneo disparado por soldados de Israel

    © REUTERS / Mohamad Torokman
    Mundo
    URL curta
    1319

    Uma criança de apenas oito meses morreu asfixiada nesta sexta-feira, em Belém, na Cisjordânia, após soldados do Exército de Israel utilizarem grande quantidade de gás lacrimogêneo durante um confronto com jovens palestinos perto da residência da família da vítima, segundo informou à imprensa o Ministério da Saúde da Palestina.

    O bebê, identificado como Ramadan Thawabteh, descansava tranquilamente em sua casa quando um grupo de adolescentes locais invadiu o imóvel para se esconder dos militares israelenses, contra os quais atiravam paus e pedras. Para expulsar os rapazes, os soldados decidiram disparar várias bombas de gás, que acabaram sendo fatal para o jovem Ramadan. 

    Confrontos entre jovens palestinos e agentes israelenses têm aumentado ao longo das últimas semanas os temores de uma nova intifada na Cisjordânia e na Faixa de Gaza. Nesta sexta-feira, esses enfrentamentos voltaram a fazer dezenas de vítimas, feridas por tiros e balas de borracha. 

    Desde o início deste mês, pelo menos 66 palestinos e nove israelenses foram mortos em conflitos ou ataques isolados na região. 

    Mais:

    Conselho de Segurança da ONU se reúne de emergência para discutir violência na Palestina
    Bandeira da Palestina é hasteada pela primeira vez na ONU
    Tags:
    gás lacrimogêneo, intifada, Ramadan Thawabteh, Palestina, Israel, Faixa de Gaza, Cisjordânia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar