09:39 27 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    2131
    Nos siga no

    Os Estados Unidos vão levantar, nesta sexta-feira, 30, algumas das sanções impostas à Bielorrússia, conforme indicou hoje o Departamento do Tesouro norte-americano através de um comunicado oficial.

    "O Departamento do Tesouro, em consulta e coordenação com o Departamento de Estado, está autorizando, por licenças gerais, transações envolvendo certas entidades bielorrussas", informou o escritório de controle dos ativos estrangeiros do órgão. 

    Mais cedo, a União Europeia também anunciou a suspensão de grande parte das sanções impostas a Minsk, acrescentando que a medida tem validade mínima de quatro meses, entrando em vigor já no próximo sábado. Reeleito para o seu quinto mandato no último dia 12, o presidente do país, Aleksander Lukashenko, será uma das 170 pessoas beneficiadas pela decisão, que também afetará três entidades da Bielorrússia. 

    Mais:

    Bielorrússia não vai desistir da família tradicional sob influência do Ocidente
    Presidente da Bielorrússia prevê nova guerra mundial
    Lukashenko diz que 'nem um rato' cruzará a fronteira da Ucrânia com a Bielorrússia
    Rússia cria base aérea na Bielorrússia
    Tags:
    sanções, União Europeia, Aleksander Lukashenko, Minsk, Bielorrússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar