03:23 20 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0703
    Nos siga no

    A China está disposta a tomar todas as medidas necessárias para defender a sua soberania em caso de um nova incursão de navios norte-americanos no mar do Sul da China, declarou nesta quinta-feira (29) o porta-voz oficial do ministério da Defesa da China Yang Yujun.

    "Nós exortamos os EUA a não avançar ainda mais na direção errada. No entanto, caso os EUA insistirem, nós tomaremos todas as medidas necessárias. Estamos firmemente determinados em defender a nossa soberania e a nossa segurança" – declarou Yujun à imprensa ao comentar a informação de que os EUA enviarão novos navios para patrulhar o mar do Sul da China.

    Na segunda-feira (26), o contratorpedeiro USS Lassen invadiu águas territoriais se aproximando das ilhas Spratly. O Ministério das Relações Exteriores chinês reagiu dizendo que o fato era uma provocação e aconselhou os EUA a pensar duas vezes antes de suas ações. A chancelaria afirmou, ainda, que “a embarcação ameaçou interesses de soberania e segurança, colocaram pessoas e estabelecimentos em risco e danificaram a paz e a estabilidade local”.

    A informação foi confirmada pelo Secretário de Defesa dos Estados Unidos, Ash Carter, que tentou, primeiramente, minimizar a situação, falando que o navio USS Lassen havia apenas conduzido operações de rotina na região. No entanto, pressionado pelo parlamento, ele acabou confirmando as informações divulgadas pela imprensa.


    Mais:

    Chefe da Defesa dos EUA confirma presença de navio de guerra no mar da China
    EUA vão pagar caro confronto com a China
    Tags:
    China, EUA, Mar do Sul da China, Yang Yujun, soberania, navio, segurança, Defesa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar