13:24 21 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Soldados do Exército dos EUA

    Iraque dispensa operação militar terrestre dos EUA

    © AFP 2018 / AHMAD AL-RUBAYE
    Mundo
    URL curta
    19431

    O governo do Iraque não precisa de operações terrestres das tropas norte-americanas eu seu território e não solicitou a sua realização junto às autoridades dos EUA, declarou nesta quarta-feira (28) o governo de Bagdá.

    Saad al-Haditha, porta-voz do primeiro-ministro iraniano Haider al-Abadi, declarou ao canal de televisão NBC que qualquer atividade militar militar no país deve ser previamente acordada com o governo, bem como ataques aéreos realizados pela coalizão internacional liderada pelos EUA.

    "É um assunto do Iraque, e o governo não solicitou junto ao ministério da Defesa dos EUA a sua particpação em tais operações. Nós dispomos de tropas terrestes suficientes" – disse o porta-voz.

    Apesar disso, Saad al-Haditha reconheceu a importância da ajuda norte-americana, destacando que o Iraque precisa dos EUA  para "armar e instruir suas forças". Atualmente encontram-se no país cerca de 3,3 mil militares norte-americanos envolvidos no treinamento de tropas iraquianas e defesa de instalações sob jurisdição de Washington.

    Na semana passada os militares dos EUA promoveram no norte do Iraque uma operação especial juntamente com combatentes curdos. Na ocasião, o chefe do Pentágono alegou que os EUA não informaram suas atividades ao governo iraquiano pelo fato destas corresponderem à estratégia norte-americana na região.

    Na terça-feira, 27, o secretário de Defesa dos EUA, Ashton Carter, havia declarado que seu país está pronto para realizar ataques em solo contra os terroristas do Estado Islâmico.

    A discussão em Washington de uma nova estratégia para as missões dos Estados Unidos no Iraque coincide com a análise, no parlamento iraquiano, sobre uma possível ajuda militar russa nas operações contra os terroristas do Estado Islâmico no país, prevista para o final desta semana.

    Tags:
    NBC, Saad al-Haditha, Iraque, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik