05:05 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    115
    Nos siga no

    O governo da Hungria afirmou que fechou sua fronteira com a Croácia para impedir o acesso livre de imigrantes com o objetivo de "proteger os cidadãos da Hungria e da Europa".

    O porta-voz do governo, Zoltan Kovacs, afirmou no começo de sábado (hora local), no vilarejo fronteiriço de Zakany, que centenas de imigrantes que chegaram na fronteira minutos antes da meia-noite de sexta-feira para sábado ainda teriam permissão de entrar na Hungria por razões humanitárias. 

    A Hungria construiu uma cerca de arame farpado na fronteira com a Croácia — o mesmo tipo de divisão que construiu no ano passado na fronteira do país com a Sérvia. As duas cercas têm o objetivo de impedir que imigrantes entrem livremente na Hungria, na tentativa de chegar na Alemanha e outros países da União Europeia (UE). 

    A Croácia divulgou que irá começar a levar os imigrantes para sua fronteira com a Eslovênia, de onde podem continuar sua jornada. 

    Mais de 383 mil imigrantes entraram na Hungria em 2015.

    Mais:

    Hungria defende sistema de cotas globais para imigrantes
    ONU: Hungria viola direitos humanos com os refugiados
    Grécia diz que postura da Hungria sobre refugiados é "delirante"
    Conflitos na fronteira entre Hungria e Sérvia deixam dezenas de feridos
    Tags:
    imigrantes, imigração, refugiados, Zoltán Kovács, Europa, União Europeia, Croácia, Hungria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar