15:37 08 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    Rússia combate Estado Islâmico na Síria (291)
    0 801
    Nos siga no

    O líder da Chechênia, Ramzan Kadyrov, está pronto para enviar seus homens para a Síria para lutar contra os terroristas do Estado Islâmico, informou a mídia russa na sexta-feira.

    "Em 1999, quando a Chechênia estava nas mãos dos diabos [terroristas], eu, como muçulmano, checheno e patriota da Rússia, prometi dedicar toda a minha vida ao combate contra o terrorismo em todos os lugares. Peço permissão para ir à Síria e participar nessas operações [terrestres] especiais lá para combater o Estado Islâmico", disse Kadyrov na sexta-feira.

    Ele espera o que presidente Putin deve decidir, mas acrescentou que os soldados chechenos estão prontos para se juntar à luta na Síria.

    "No momento em que os terroristas na Síria percebem que soldados chechenos estão a caminho, eles vão sair imediatamente de lá", afirmou Kadyrov.

    Mais cedo as Forças especiais da Chechênia detiveram um grupo de quatro simpatizantes do Estado Islâmico na república.

    Na quarta-feira, a Rússia começou os ataques aéreos contra as posições do Estado Islâmico na Síria a pedido do presidente sírio Bashar Assad.

    O grupo terrorista Estado Islâmico é proibido na Rússia. 

    Tema:
    Rússia combate Estado Islâmico na Síria (291)

    Mais:

    Líder da Chechênia se reporta com críticas e pedido a Barack Obama
    Kremlin: envio de armas da Chechênia para o México é impossível
    Chechênia pode proibir a exibição de "Cinquenta Tons de Cinza"
    Tags:
    tropas, ataque aéreo, terrorismo, Estado Islâmico, Vladimir Putin, Ramzan Kadyrov, Síria, Rússia, Chechênia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar