19:32 17 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    201
    Nos siga no

    Um funcionário da delegação iraniana na Assembleia Geral da ONU informou que o presidente dos EUA, Barack Obama, e o ministro das Relações Exteriores do Irã, Mohammad Javad Zarif, na segunda-feira (28).

    O simples gesto, porém, tem um grande significado já que é o primeiro comprimento de um chefe de Estado norte-americano a uma autoridade iraniana desde o rompimento das relações diplomáticas entre os dois países em 1979. O aperto de mão, segundo o funcionário que pediu anonimato, aconteceu após o discurso do presidente da República Islâmica, Hassan Rohani.

    Em Teerã, o aperto de mãos pode causar dor de cabeça para o governo. Alguns veículos de imprensa disseram que o gesto foi premeditado, mas o membro da delegação disse que tudo aconteceu por acaso.

    O governo dos EUA ainda é visto com muitas ressalvas pelos iranianos, especialmente os mais radicais. A simples caminhada de Zarif com o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, em janeiro, durante as conversações que levaram ao acordo nuclear, obrigou o chanceler do Irã a se explicar no parlamento do país.

    Em seu discurso na Assembleia Geral da ONU, Hassan Rohani exaltou os avanços obtidos com o documento sobre o programa nuclear iraniano.

    Tags:
    programa nuclear, discurso, acordo nuclear, relações diplomáticas, comprimento, aperto de mãos, Nações Unidas, Assembleia Geral da ONU, ONU, John Kerry, Hassan Rohani, Mohammad Javad Zarif, Barack Obama, EUA, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar