14:35 27 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)
    1391
    Nos siga no

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, fala sobre os principais temas da agenda internacional, em discurso escrito pelo próprio chefe de Estado. Veja abaixo os momentos mais importantes do pronunciamento!

    A presidenta do Brasil, Dilma Rousseff, abriu os discursos do dia na 70ª Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York, seguida pelo pronunciamento do presidente dos EUA, Barack Obama. Em seguida, foi a vez do presidente da Polônia, Andrzej Duda, do presidente da China, Xi Jinping, e do chefe de Estado da Jordânia, Abdullah II Ibn al Hussein. Depois, foi a vez de Vladimir Putin se dirigir aos líderes mundiais reunidos.

    Ordenar as mensagens
    • 07:10

      Putin: Rússia, com base em um amplo consenso da ONU, está pronta para ajudar no desenvolvimento da organização com todos os parceiros.

      Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov em pronunciamento da Assembleia Geral da ONU, em Nova Iorque, 27 de setembro, 2015.

      Lavrov na ONU: Rússia oferece ajuda, mas não impõe valores

      Falando na 70ª sessão da Assembleia Geral da ONU o chanceler russo, Sergei Lavrov, abordou os atuais problemas econômicos dos países em desenvolvimento, bem como manifestou a prontidão da Rússia em continuar os ajudando.
      Mostrar mais
    • 07:26

      Putin termina discurso na Assembleia Geral da ONU sob aplausos

      O presidente da Rússia falou ainda sobre a OMC e o "egoísmo econômico" de um certo número de países, e também reconheceu as mudanças climáticas como um desafio global.

    • 07:24

      TPP: acordo que se faz sem consultar a ninguém!

      Putin criticou a falta de transparência em torno das negociações do TPP - Acordo de Parceria Transpacífica.

      Presidente dos EUA, Barack Obama

      Fracasso do TPP no Havaí complica a vida de Obama

      O presidente dos EUA, Barack Obama, recebeu um duro golpe após a reunião dos Ministros de Comércio do Círculo do Pacífico – realizada na sexta-feira (31) em Maui, no Havaí –, ter fracassado no fechamento do Acordo de Parceria Transpacífica (TPP).
      Mostrar mais
    • 07:22

      Putin: o golpe de Estado na Ucrânia foi provocado externamente

      A conformidade com os acordos de Minsk é essencial para alcançar a paz na Ucrânia devastada pela guerra, diz Putin.

    • 07:21

      Putin denuncia expansão da OTAN

      “A OTAN não só não interrompeu a sua atividade, mas se expandiu, mesmo com o fim da União Soviética e do Pacto de Varsóvia”, disse ele.

    • 07:19

      Putin: é necessária a criação de uma coalizão antiterrorista internacional

      "Nós devemos ser guiados por valores comuns, e não ambições", disse o presidente russo, acrescentando que os países muçulmanos devem desempenhar um papel crucial nesta coalizão.

    • 07:17

      Putin: "O Estado Islâmico não veio do nada. O grupo foi alimentado como uma arma contra regimes indesejáveis"

      Segundo o presidente russo, as tentativas de desarranjar a legitimidade da ONU são perigosas porque privam o mundo de todas as regras, exceto as regras do mais forte. Ele disse ainda que a oposição moderada na Síria é treinada e armada, mas que depois os combatentes mudam para o lado do Estado Islâmico.

      Área controlada pelo Estado Islâmico em Kobani, na Síria

      Oficial confirma que EUA não fizeram nada para evitar criação do Estado Islâmico

      Em uma entrevista concedida recentemente à al-Jazeera, o tenente general Michael Flynn confessou que Washington sabia bem do perigo do surgimento de um grupo extremista.
      Mostrar mais
    • 07:15

      "Ninguém, além de Assad e dos curdos, combate os terroristas", diz Putin

    • 07:12

      "O EI ativamente amplia sua expansão para outras regiões, e não só no mundo islâmico", adverte Putin

      Militantes do Estado Islâmico

      Iraque compartilha dados de inteligência sobre Estado Islâmico com Rússia, Irã e Síria

      O Iraque começará a compartilhar a informação de segurança e inteligência com a Rússia, Irã e Síria visando combater o grupo terrorista Estado Islâmico, divulgou o Ministério da Defesa iraquiano neste domingo.
      Mostrar mais
    • 07:11

      Putin: as tentativas de minar a legitimidade das Nações Unidas são extremamente perigosas

      O presidente russo lembrou que qualquer ação ignorando a ONU são contrárias ao direito internacional.

      A Rússia, com base em um consenso internacional amplo, está preparada para este trabalho do futuro desenvolvimento da ONU com todos os parceiros. Mas nós consideramos as tentativas de minar a autoridade e a legitimidade da ONU como sumamente perigoso. Isso pode levar ao fracasso de toda a aarquitetura das relações internacionais", disse Putin.

      Neste caso, "não irá ficar nenhuma regra senão o direito do mais forte". "Será um mundo em que o egoísmo reinará, em vez de trabalho coletivo", disse o presidente russo.

    • 07:08

      "Ninguém deve se conformar com um único modelo possível de desenvolvimento", afirma Putin, defendendo o princípio de soberania dos Estados-nação

      "Claro que o mundo está mudando. A ONU deve ser consistente com esta transformação natural. A Rússia fica preparada", diz o presidente russo.

      Dilma Rousseff, em sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova Iorque

      Reforma tornará Conselho de Segurança da ONU mais legítimo para evitar a guerra

      A presidenta do Brasil disse que o encontro deste sábado é significativo por marcar os dez anos da declaração de reforma do Conselho de Segurança da entidade feita pelas nações que integram o G4 – Brasil, Índia, Alemanha e Japão.
      Mostrar mais
    • 07:06

      Putin: O sistema de Yalta [que forma o pós-Segunda Guerra mundial] nasceu com o custo de milhões de vidas e duas guerras mundiais.

    • 07:06

      Desacordos da ONU sempre aconteceram nos 70 anos da organização, e o veto tem sido utilizado por todos os membros do Conselho de Segurança, diz Putin

      "O direito de veto existiu sempre, desdde a fundação da organização, sem que fosse previsto que reine o pensamento único nela", frisa o presidente russo.

    • 07:03

      Putin começa seu discurso lembrando a fundação da ONU após a II Guerra Mundial

    Tema:
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)

    Mais:

    Xi Jinping discursa na Assembleia Geral da ONU
    Acompanhe ao vivo a 70ª Assembleia Geral da ONU
    Índia e Brasil antecipam Assembleia Geral com minicúpula
    Hassan Rohani aborta participação na Assembleia Geral da ONU e vai retornar para o Irã
    Ex-premiê da Ucrânia: declarações de Poroshenko na ONU foram completamente falsas
    Lavrov na ONU: Rússia oferece ajuda, mas não impõe valores
    Tags:
    Rússia, EUA, Nova York, Vladimir Putin, Nações Unidas, Assembleia Geral da ONU, discurso, pronunciamento
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar