13:50 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Bashar al-Assad, presidente da Síria

    Diplomata diz que destituição de Bashar Assad favorece o Estado Islâmico

    © AFP 2017/ AFP PHOTO / HO / SANA
    Mundo
    URL curta
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)
    4569131

    O ex-vice-secretário-geral da ONU, Sergey Ordzhonikidze, disse nesta segunda-feira (28) à rádio Baltkom, da Letônia, que Bashar Assad é um presidente (da Síria) legitimamente eleito e que as tentativas dos EUA e de seus aliados de retirá-lo do poder são infundadas e só favorecem o grupo Estado Islâmico (EI).

    “Após a remoção de Asad, se repetiria o quadro da Líbia de caos e anarquia, o que só convém ao Estado Islâmico”, disse ele.

    Ordzhonikidze também observou que se um líder tem uma política que não convém aos EUA, este logo o qualifica como ilegítimo, de ditatorial e propõe sua deposição. Desde março de 2011, a Síria vive um conflito armado que provocou mais de 220 mil mortes, de acordo com estimativas da ONU. As tropas do governo estão enfrentando várias facções armadas, como os terroristas do Estado Islâmico e a Frente al-Nusra, vinculada à Al Qaeda.

    Tema:
    Estado Islâmico: pior ameaça mundial (299)
    Tags:
    anarquia, caos, repetição, ditadura, remover, destituição, Nações Unidas, ONU, Al-Qaeda, Frente al-Nusra, Estado Islâmico, Sergey Ordzhonikidze, Letônia, EUA, Líbia, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik