07:55 14 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Ministro das Relações Exteriores da Rússia, Walid Muallem

    Damasco elogia apoio da Rússia à luta do governo sírio contra o Estado Islâmico

    © Foto: Wikipedia
    Mundo
    URL curta
    1151

    O governo da Síria confia nas autoridades da Rússia e acredita na sua determinação em combater o grupo terrorista Estado Islâmico, declarou nesta segunda-feira, 21, em entrevista à RT, o ministro sírio das Relações Exteriores Walid Muallem.

    "A Federação Russa não esconde a sua determinação em participar na luta contra o terrorismo. Nós na Síria confiamos na liderança da Rússia e acreditamos em seu compromisso. Nós não escondemos, mas temos orgulho disso" – disse o chanceler.

    Muallem destacou que Damasto considera a Rússia como amiga e parceira estratégica, "honesta em seus negócios", já que Moscou acredita que a luta contra o terrorismo deve ser conduzida de acordo com o direito internacional – em coordenação com o governo sírio.

    Falando sobre a ajuda real por parte da Rússia, o ministro sírio disse: "É claro, tem algo de novo, que supera o envio de armamentos para a Síria. É a participação da Rússia na luta contra o EI e o Dzhebhat al-Nusra. Isso é o mais importante. Isso prejudica aqueles que tramavam uma conspiração contra a Rússia. Isso demonstra que os EUA e a sua coalizão  não têm uma estratégia clara para combater o EI".

    Na semana passada, a porta-voz oficial do ministério russo das Relações Exteriores, Maria Zakharova declarou que a ajuda da Rússia às autoridades sírias não contradiz os objetivos da coalizão internacional, caso esta queira realmente combater o EI.

    A luta contra grupo terrorista conta com a participação de mais de 90 países, e a Rússia está apoiando os exércitos regulares das legítimas forças armadas do presidente sírio Bashar Assad. Por outro laro, o EI está sendo combatido por uma coalizão liderada pelos EUA, que insistem na derrubada do regime de Assad e se recusam categoricamente em incluí-lo na luta contra o EI.

    Mais:

    Putin: política da Rússia no Oriente Médio será 'responsável'
    Ministro alemão aprova cooperação com a Rússia para pôr fim à crise na Síria
    Tags:
    ameaça terrorista, luta, apoio, cooperação, Estado Islâmico, Walid Muallem, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik