21:50 15 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)
    9020
    Nos siga no

    O presidente dos EUA, Barack Obama, conversará com o presidente russo, Vladimir Putin, quando determinar que será vantajoso para os interesses de Washington entre rumores de que Moscou vem instalando uma base aérea na Síria, informou nesta terça-feira o porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest.

    Cantor britânico Elton John em Kiev, Ucrânia, 12 de setembro de 2015
    © REUTERS / Valentyn Ogirenko
    "Quando nosso time e, mais importante, quando o Presidente determinar que iria ser vantajoso para nossos interesses ter uma conversa com o Presidente Putin, ele pegará o telefone e tentará fazer essa ligação", afirmou Earnest.

    Nesta terça-feira, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que Putin está aberto a diálogo com os Estados Unidos, mas Washington não tomou a iniciativa até agora.

    Peskov também observou que os dois líderes podem se encontrar em Nova York para discutir a situação da Síria durante a realização da Assembleia Geral da ONU, que será realizada este mês.

    Durante todo o ano passado, as relações entre os Estados Unidos e a Rússia deterioraram porque Washington e seus aliados acusam Moscou de interferir na crise da Ucrânia e, por conta disso, impuseram várias rodadas de sanções. A Rússia vem seguidamente negando seu envolvimento na situação do país vizinho.

    Nas últimas semanas, as visões opostas dos dois países sobre como combater o Estado Islâmico e lidar com o governo sírio do Presidente Bashar Assad vêm continuando a prejudicar a relação.

    O Kremlin confirmou que a Rússia está ajudando o governo sírio em sua luta contra terroristas do Estado Islâmico. Além disso, Putin afirmou nesta terça-feira que a Rússia apoiar a Síria e que sem a ajuda russa a situação no país seria muito pior.

    Tema:
    70ª Assembleia Geral da ONU (47)

    Mais:

    Espionagem faz Casa Branca cancelar hospedagem de Obama no Waldorf-Astoria em Nova York
    Papa Francisco tratará da crise migratória com Barack Obama
    Obama consegue apoio acima do necessário para manter acordo com Irã
    Tags:
    interesses, relações, guerra civil, conversa, Assembleia Geral da ONU, ONU, Casa Branca, Kremlin, Josh Earnest, Dmitry Peskov, Vladimir Putin, Barack Obama, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar