14:02 21 Fevereiro 2018
Ouvir Rádio
    Avião EMERCOM russo com ajuda humanitária para o povo sírio no aeroporto de Latakia

    Pentágono diz seguir de perto os passos de Moscou na Síria

    © Sputnik/ Andrey Stenin
    Mundo
    URL curta
    16028

    O Pentágono segue prestando atenção aos passos da Rússia na Síria, declarou esta segunda-feira a porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA, Michelle Baldanza.

    O diretor da Agência Central de Investigação dos EUA (CIA), John Brennan, em uma conferência em 10 de setembro
    © AP Photo/ Pablo Martinez Monsivais
    “Continuamos com atenção a esses acontecimentos e mantemos contato com nossos parceiros e aliados”, disse a porta-voz.

    Além disso, completou Baldanza, os EUA “seguem considerando que é absolutamente necessário encontrar uma solução política ao conflito na Síria que se traduza na entrega do poder por parte do presidente sírio Bashar Assad.”

    “Em princípio, apoiamos a ajuda construtiva da Rússia na luta contra o Estado Islâmico, mas nos opomos às ações dirigidas ao fortalecimento do governo atual e de uma escalada do conflito. Insistimos na entrega do poder como solução política”, continuou a porta-voz.

    Anteriormente, o ministro de Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, declarou que Moscou nunca escondeu o fato de que entregou e continuará entregando ajuda militar ao governo sírio para sua luta contra o terrorismo.

    Desde março de 2011, a Síria está envolvida em uma guerra civil que já provocou a morte de mais de 220 mil pessoas, segundo estimativas da ONU, ou mais de 330 mil, segundo a ONG Observatório Sírio para os Direitos Humanos, que monitora as hostilidades baseada na Grã-Bretanha. 

    As tropas governamentais enfrentam diferentes facções armadas, entre elas os terroristas do grupo Estado Islâmico e da Frente Nusra, vinculada à al-Qaeda.

    Mais:

    Ucrânia fecha espaço aéreo para ajuda humanitária russa à Síria
    Lavrov explicou por que militares russos estão na Síria
    Rússia apoia luta da Síria contra EI e rejeita tirar Assad do poder
    EUA falam em "longa discussão" com a Rússia sobre questão da Síria
    Especialista: Ocidente é roteirista da crise síria
    Tags:
    guerra civil, ajuda humanitária, ajuda, Frente Nusra, Estado Islâmico, Ministerio das Relacoes Exteriores (Russia), Departamento de Defesa dos EUA, Sergei Lavrov, Síria, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik