03:07 21 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Aviões de assalto A-10 Thunderbolt II na base aérea de Davis-Mountain

    Aviões de assalto norte-americanos realizarão voos na Estônia

    © AFP 2018 / Brendan Smialowski
    Mundo
    URL curta
    2216

    Oito aviões de assalto norte-americanos A-10 vão realizar voos durante exercícios conjuntos com a Força Aérea estoniana. Uma parte dos exercícios terá a participação de caças estonianos L-39.

    Os aviões de assalto norte-americanos A-10 que participam dos exercícios conjuntos com Força Aérea estoniana vão realizar durante uma semana voos quotidianos sobre o território estoniano a baixa altitude, comunicou na segunda-feira o Estado-Maior das Forças Armadas da Estônia.

    "Os voos vão ser realizados à altitude de pelo menos 152 metros e, preferencialmente, fora das povoações. Para realizar os voos foi reservado um espaço aéreo no centro e no leste da Estônia. Os voos das aeronaves militares não contradizem as leis do país e são coordenados com o Departamento Aéreo", diz-se no comunicado do Estado-Maior.

    Os oito aviões de assalto norte-americanos A-10 chegaram à base aérea de Amari, que fica perto de Tallin, para participar nos exercícios conjuntos. Segundo militares estonianos, estes exercícios vão dar a oportunidade de testar as capacidades da Força Aérea estoniana em colaboração com os aviões norte-americanos.

    No decorrer do treinamento conjunto, que se realiza durante três semanas no polígono central das Forças Armadas da Estônia, vão também ser realizados exercícios de tiro com a utilização de canhões embarcados e de bombas de mais de 11 kg.

    Tags:
    aeronaves, caças, exercícios militares, EUA, Estônia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik