19:09 19 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    6171
    Nos siga no

    A mídia chinesa noticiou nesta segunda-feira (31) uma série de confissões de pessoas que estariam tentando desestabilizar o mercado acionário da China. Os depoimentos aconteceram durante o processo de investigação sobre as oscilações na bolsa que, desde junho, fizeram as ações cair em média 40%.

    Quatro funcionários da principal corretora do país, a CITIC Securities e uma autoridade do órgão que regula o mercado admitiram que usavam informações privilegiadas para causar pânico e desordem na bolsa, derrubando, assim, o valor das ações.

    Uma das pessoas investigadas que, segundo a mídia chinesa, teria confessado que contribuiu para a derrubada do mercado é o jornalista Wang Xiaolu, da revista Caijing. Ele escreveu artigos baseados em boatos e suposições.

    Tags:
    boatos, confissões, bolsa de valores, mercado acionário, queda, CITIC Securities, Caijing, Wang Xiaolu, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar