13:07 22 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Governador do estado da Flórida, Rick Scott, fala a repórteres em Miami e declara estado de emergência, em 28 de agosto de 2015. AP Photo/Alan Diaz

    Flórida declara emergência após tempestade matar quatro em Porto Rico

    © AP Photo / Alan Diaz
    Mundo
    URL curta
    211

    O governador do estado americano da Flórida, Rick Scott, afirmou nesta sexta-feira que a tempestade tropical Erika representa "uma grave ameaça" e declarou situação de emergência em todo o estado. O anúncio ocorreu após as chuvas e os ventos fortes da tormenta terem provocado a morte de ao menos quatro pessoas em Porto Rico.

    A tempestade deve atingir a península da Flórida na segunda-feira. Scott fez a sua declaração depois de uma breve reunião com meteorologistas que preveem que a tempestade deve atingir o extremo sul do estado e, em seguida, atravessar para o norte.

    O estado de emergência dá amplo espaço para Scott e outras autoridades se prepararem para a tempestade. A declaração dá o poder de convocação da Guarda Nacional e dá aos funcionários de emergência livre acesso a todas as regiões do estado.

    A última vez que um furacão atingiu a Flórida foi há dez anos. As últimas previsões mostram que o Erika continuará a ser uma tempestade tropical quando atingir terra firme.

    Mais:

    Político alemão diz que EUA parecem ter tomado conta de parte do governo da Alemanha
    EUA pediram prisão de Snowden à Noruega
    Mídia: EUA têm medo que Rússia e China superem seus drones
    Polônia abrigará armamentos pesados dos EUA em seu território
    Tags:
    mortes, estado de emergência, tempestade, Rick Scott, Porto Rico, Flórida, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik