01:21 16 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Premier chinês, Li Keqiang

    Premiê chinês mostra confiança em cumprir metas de 2015

    © AFP 2018 / KIRILL KUDRYAVTSEV
    Mundo
    URL curta
    100

    O primeiro-ministro da China, Li Keqiang, se mostrou tranquilo nesta quarta-feira (26) e afirmou que está confiante de que o país irá cumprir todos os objetivos fixados para 2015.

    “A China confia que alcançará suas principais metas de desenvolvimento para este ano com medidas adequadas de reforma para estabilizar e reestruturar a economia do país”, disse o premiê à imprensa local.

    Keqiang não fechou os olhos para o momento de turbulências nas bolsas de valores admitindo o impacto destes problemas. Ele, porém, garantiu que os pilares da economia chinesa se mantém estáveis e que a China manterá um ritmo de crescimento razoável.  O primeiro-ministro justificou a confiança dizendo que o mercado interno é enorme e que Pequim ainda tem margem para mais políticas macroeconômicas.

    Na terça-feira, o Banco Central chinês interveio cortou as taxas de juros no país como medida para diminuir a turbulência nas bolsas. No início do mês, Pequim havia desvalorizado o yuan. Keqiang afirmou que a moeda não será mais depreciada e afirmou que o recuo veio acompanhado de uma reforma no sistema cambial.

    O crescimento da economia chinesa no segundo trimestre de 2015 foi de 7%, excedendo as expectativas dos analistas internacionais e as previsões do Fundo Monetário Internacional (FMI), que eram de 6,8%. O índice é o mesmo da meta do governo, o que justifica a confiança de Li Keqiang.

    Tags:
    bolsa de valores, crise, reforma, sistema cambial, confiança, crescimento, corte, desvalorização, yuan, meta, taxa de juros, economia, Banco Central, FMI, Fundo Monetário Internacional, Li Keqiang, Pequim, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik