16:25 31 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Mundo
    URL curta
    0 61
    Nos siga no

    O ministro do Petróleo do Irã, Bijan Zanganeh, comemorou a volta do país ao mercado internacional do produto após o fim das sanções. Ele afirmou nesta terça-feira (25) que a República Islâmica irá recuperar a parcela que perdeu, que, segundo ele, era de 1 milhão de barris vendidos por dia.

    “Devemos negociar nosso petróleo mesmo se o preço cair ou subir para US$ 100 o barril. Mesmo querendo vender nosso petróleo mais caro, o mercado determina o preço”, afirmou Zanganeh.

    As sanções internacionais contra o Irã deverão começar a ser suspensas a partir do primeiro semestre do ano que vem, segundo a chancelaria britânica. No domingo (23), a Grã-Bretanha reabriu sua Embaixada em Teerã, fechada em 2011. Horas depois, foi a vez da casa diplomática da República Islâmica em Londres voltar a funcionar.

    O Irã e o sexteto formado por Rússia, China, EUA, Grã-Bretanha, França e Alemanha chegaram a um acordo em julho sobre o programa nuclear iraniano. O documento prevê o levantamento das sanções internacionais contra Teerã.

    Tags:
    reabertura, embaixada, levantamento, suspensão, programa nuclear, participação, sanções, mercado, petróleo, sexteto, Ministério do Petróleo, Bijan Zanganeh, Londres, Grã-Bretanha, Alemanha, França, EUA, China, Rússia, Teerã, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar